CLIQUE NA CAPA DO DISCO PARA TOCAR

ESCUTE O DISCO

Mundo de Pixinguinha

 

HAMILTON DE HOLANDA

Infos


HAMILTON DE HOLANDA - MUNDO DE PIXINGUINHA

 

 

HAMILTON DE HOLANDA apresenta MUNDO DE PIXINGUINHA

 

Selecionado pelo Edital Nacional 2012 do Programa Natura Musical, o instrumentista lança CD com a participação de grandes músicos internacionais como Wynton Marsalis (EUA), Richard Galliano (França), Stefano Bollani (Itália), Chucho Valdés e Omar Sosa (Cuba) . Vc pode inclusive baixar uma faixa grátis no site do NATURA MUSICAL http://www.naturamusical.com.br/baixe-nova-gravacao-de-hamilton-de-holanda

 

 

 

NATURA APRESENTA ‘MUNDO DE PIXINGUINHA’,

NOVO PROJETO DO BANDOLINISTA HAMILTON DE HOLANDA


Selecionado pelo Edital Nacional 2012 do Programa Natura Musical, o instrumentista lança CD com a participação de grandes músicos internacionais como Wynton Marsalis (EUA), Richard Galliano (França), Stefano Bollani (Itália), Chucho Valdés e Omar Sosa (Cuba). Vc pode inclusive baixar uma faixa grátis no site do NATURA MUSICAL http://www.naturamusical.com.br/baixe-nova-gravacao-de-hamilton-de-holanda

 

O novo trabalho do premiado instrumentista e compositor Hamilton de Holanda, precursor do bandolim de 10 cordas, é uma homenagem a um dos maiores compositores da história da música brasileira. “Mundo de Pixinguinha” reúne interpretações originais das composições do ‘pai do choro’ e terá três shows de lançamento: dia 3 de setembro, no Theatro NET Rio; dia 4, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte; e dia 8, no Teatro Alfa, em São Paulo, sempre às 21h. Tanto a produção do disco como as apresentações são patrocinadas pelo Programa Natura Musical, cujo portal (www.naturamusical.com.br) oferece download gratuito das faixas Canção de Odalisca e Capricho de Pixinguinha, a partir dos dias 15 de agosto e 2 de setembro, respectivamente.

 

Ao lado de Hamilton de Holanda, o trompetista norte-americano Wynton Marsalis, os pianistas cubanos Chucho Valdés e Omar Sosa, o pianista italiano Stefano Bollani, o acordeonista francês Richard Galliano e o pianista português Mario Laginha, além dos brasileiros André Mehmari (piano), Carlos Malta (sax-tenor) e Odette Ernest Dias (flauta), apresentam suas visões para músicas compostas entre as décadas de 1910 e 1960, em versões camerísticas. Nos recitais, Hamilton vai dividir o palco com Galliano, Bollani e Sosa.

 

“Os arranjos foram pré-concebidos a partir da partitura original. Mas, como todos são músicos de jazz, eu sempre deixava a música correr para o lado da improvisação, da criação de novos arranjos. Era preciso liberdade, principalmente do ponto de vista de meus convidados, porque eu sabia que a contribuição que cada um podia dar para a música de Pixinguinha seria dada ali, na hora, naquele momento, porque é assim que funciona quando a música tem esse espírito”, diz Hamilton. “Acho que conseguimos um resultado no qual a linguagem do choro está em total sintonia com o jazz. Conseguimos mostrar que a música de Pixinguinha é irresistivelmente melodiosa e brasileira”, afirma o bandolinista.

 

Para a gerente de marketing institucional da Natura, Karen Cavalcanti, “Mundo de Pixinguinha” reforça um dos compromissos Natura Musical. “Este projeto é de extrema importância para a valorização da nossa cultura. Um dos objetivos do Natura Musical é reverenciar os grandes ícones da música brasileira e nada mais justo que prestar essa grande homenagem ao Pixinguinha com a produção desse álbum composto por este grande artista e instrumentista que é o Hamilton de Holanda.”

 

O ÁLBUM

 

As gravações foram realizadas nos Estados Unidos, Brasil e alguns países da Europa, e começaram em novembro de 2012, quando o pianista português Mario Laginha gravou, em Lisboa, a valsa Rosa. Depois foi a vez do pianista cubano Omar Sosa gravar Yaô, no Rio de Janeiro.

 

Considerado um dos embaixadores da música nos EUA, o trompetista Wynton Marsalis participa da faixa Um a Zero, gravada em Nova York no Jazz at Lincon Center. "A música que gravamos é fantástica, solidifica as harmonias e a maneira que se toca a melodia, como no Ragtime. É uma das mais difíceis para o trompete que já toquei.” Wynton se diz orgulhoso em tocar com Hamilton neste projeto. "Ele é a personificação de tudo que queremos num grande músico. Tem bons reflexos, tem uma maneira natural de tocar, tem profundidade de alma e sentimento. Ele é um tesouro nacional", diz Marsalis.

 

As faixas Benguelê e Lamentos foram gravadas pelo mestre cubano Chucho Valdés, em Málaga, na Espanha. Após passar pela experiência de tocar Pixinguinha, Valdés afirmou que pretende pesquisar mais sobre o compositor. "Sua música estava muito à frente do seu tempo, seja na harmonia, na melodia e claro, no ritmo. Tenho que agradecer a Hamilton por ter me escolhido para fazer estes temas em duo de piano e bandolim. Para mim, ele é o melhor do mundo".

 

Ao lado do acordeonista francês Richard Galliano, foi registrado em Paris o choro Ingênuo e a valsa Agradecendo. "Eu conhecia mais o nome do Pixinguinha do que a obra. É a primeira vez que toco suas músicas. Elas têm muito a me dizer, pois são próximas das valsas musettes parisienses", diz Galliano, que conheceu Hamilton há oito e já havia gravado alguns discos com o brasileiro.

 

Em Roma, o ídolo italiano da música instrumental, Stefano Bollani, gravou com Hamilton Seu Lourenço no Vinho e Canção da Odalisca. Nas recentes apresentações por festivais europeus, o duo incluiu músicas de Pixinguinha em seu repertório. “Pixinguinha foi uma descoberta! Não sabia que era brasileiro, pois a primeira vez que o ouvi foi em 2006: a valsa Rosa, com a cantora portuguesa Maria João. Só depois pesquisando a aplicação do piano no choro e ouvindo a pianista Carolina Cardoso de Menezes que compreendi que Pixinguinha era uma figuraça da música brasileira", diz Bollani.

 

Capricho de Pixinguinha, peça integrante de uma série de estudos para o Bandolim 10 cordas, inspirados nos Caprichos de Paganini, escritos por Hamilton há cerca de um ano, demonstram como a obra de Pixinguinha influencia artistas até hoje. Para o registro, a parceria foi com o pianista André Mehmari. Já Naquele Tempo, uma das preferidas de Hamilton, foi a escolhida para ser gravada solo.

 

Carinhoso, a última faixa a ser gravada, contou com participação do sax-tenor de Carlos Malta e da professora franco-brasileira Odette Ernest Dias (flauta), que na juventude conviveu com o mestre Pixinguinha.

 

“Acho que conseguimos um resultado em que a linguagem do choro está em total sintonia com o jazz. Conseguimos mostrar que a música de Pixinguinha é irresistivelmente melodiosa e brasileira”, afirma o bandolinista.

 

A pesquisa musical para o disco foi feita pelo próprio Hamilton, junto a produtora Lu Araújo, responsável por diversos projetos que têm a obra de Pixinguinha como tema. Marcos Portinari, empresário do artista, cuidou das relações internacionais de Mundo de Pixinguinhae junto com Lu e Hamilton, assina a produção.

 

"Queremos com este projeto aproximar ainda mais o público de Pixinguinha. Estudo sua obra e sua música há mais de 15 anos. Apesar de ele ser muito conhecido no mundo todo, e de ser considerado um músico à frente de seu tempo, uma grande parte da sua obra ainda é desconhecida. Este CD agrupa nomes importantes da música contemporânea e apresenta uma visão internacional de Pixinguinha", diz Lu Araújo.

“A imagem e o instrumento de Hamilton perante o público e a mídia brasileira esteve muito enraizada no choro. Apesar disso, sua curiosidade, formação acadêmica e inventividade o fazem transitar por diversos gêneros e continentes, construindo uma identidade aberta às influências do jazz, flamenco, manuche e bluegrass sem perder a brasilidade. Observamos o crescente interesse pelo choro no mundo que, diferentemente do jazz, não se permitiu a subgêneros (cool, hard, bebop, free...), e estávamos esperando encontrar o momento e a forma certa para se fazer uma homenagem. Esta é nossa pequena contribuição para que o mundo descubra e estude Pixinguinha”, diz Marcos Portinari.

ARQUIVOS PARA DOWNLOAD
Arquivos DOWNLOAD
Arquivos DOWNLOAD

O Globo (PDF - 897.2 KB)

DOWNLOAD

Diario do Nordeste (PDF - 2.4 KB)

DOWNLOAD

RIDER (PDF - 65.0 KB)

DOWNLOAD

MAPA DE PALCO (PDF - 40.3 KB)

DOWNLOAD